1. SKIP_MENU
  2. SKIP_CONTENT
  3. SKIP_FOOTER

Foi de virada! Ferrocarril vence Trianon e conquista o bicampeonato do Amador Júnior

Escrito por  Jorge Eustaquio 24 Dezembro 2017

Foi um jogo digno de final, Ferrocarril e Trianon jogaram muito e buscaram a conquista do título de 2017 no Amador Júnior. Saiu o último campeão do Futebol Amador da temporada 2017, o Ferrocarril. Time sacudiu o Setor Norte de Araxá com o título do campeonato Amador Júnior, e foi um jogão, time comandado por Evaldo começou perdendo e virou a partida, com a competência do artilheiro Landerson.

A grande final aconteceu na Arena Cachorrão, que recebeu mais uma vez um bom público, longe da tradição do Ferrocarril, talvez pela proximidade dos festejos de Natal, daí a explicação da Arena não estar lotada. Partida disputada no sábado (23-12) e que teve vitória do Ferrocarril de virada 2 x 1.

Precisando fazer dois gols de diferença para reverter a vantagem do Ferrocarril, o Trianon se lançou ao ataque buscando abrir o marcador logo no começo da partida.

Aos 5 minutos, Micharia cobrou falta no bico direito da grande área a bola bateu na trave e a defesa fastou.

Aos 13 minutos, jogada de Bruninho pela esquerda, ele deixou o marcador para trás e rolou redondinha para Dezinho chutar colocado sem defesa para Wander, Trianon 1 x 0.

Aos 15 minutos, o Ferrocarril que estava recuado atacou pela direita em rápido contra-ataque, lateral Eduardo cruza da direita na cabeça de Talisson livre cara a cara com o gol desviou pela linha de fundo.

Aos 19 minutos, mais uma grande chance do Ferrocarril de empatar a partida. Cobrança de falta na entrada da grande área, lado esquerdo, Rodriguinho colocou no canto esquerdo de Guilherme Prosolino que fez um grande defesa para escanteio.

Aos 21 minutos, Pedro Leite cobrou falta para o Trianon e o goleiro Wander fez um grande defesa jogando a bola para escanteio.

Aos 39 minutos, o Ferrocarril desperdiça mais uma chance para empatar, atacante Igor recebeu livre na marca do pênalti e chutou por cima do gol vazio.

Aos 40 minutos, na pressão do Ferrocarril foi a vez do lateral Eduardo perder mais uma grande chance, ele aproveitou o rebote da defesa do goleiro Guilherme Proslino chute a queima roupa de Landerson.

No finalzinho do primeiro tempo o Trianon perdeu o atacante Dezinho, sentindo fisgada na coxa esquerda foi substituído por Luiz Fernando.

Segundo tempo, pelo que foi o primeiro, prometia de novo um grande jogo, o Trianon buscando o segundo gol e o Ferrocarril o empate para afastar qualquer perigo de perder o título em casa diante da torcida.

O Ferrocarril volta para o segundo tempo com Guilherme Vagalume no lugar de Igor no comando do ataque, treinador Evaldo tentando dar maior movimentação na linha ofensiva.

Aos 8 minutos, Landerson jogada pela esquerda chuta cruzado o goleiro Guilherme Prosolino desvia a bola bate na trave e no rebote, Euler chuta longe do gol.

Aos 11 minutos, a polêmica do jogo. Landerson recebe dentro da pequena área, gira em cima do seu marcador, é puxado pela camisa antes de finalizar, o chute termina na defesa do goleiro Guilherme Prosolino. O árbitro da partida, João Mariano de Andrade Bozó, estava perto do lance e deveria ter marcado pênalti. Não marcar o pênalti, Bozó apesar da vitória do Ferrocarril, influenciou no marcador.

Aos 18 minutos a chance foi do Trianon, Pedro Leite chuta cruzado no canto esquerdo goleiro Wander faz uma grande defesa desviando a bola para escanteio.

Aos 20 minutos, zagueiro Dumbão perde gol feito para o Ferrocarril, ele apanhou rebote do goleiro Guilherme Prosolino e chutou por cima do gol.

Aos 26 minutos, o Ferrocarril empata a partida, jogada pela direita, cruzamento na pequena área, Landerson acertou uma bonito voleio jogando a bola no canto direito de Guilherme Prosolino, tudo igual 1 x 1, e Landerson assumindo a artilharia isolada do Amador Júnior.

O gol deu uma motivação ainda maior ao time do Ferrocarril, a virada veio pouco tempo depois aos 32 minutos. Jogada pela esquerda a bola passou pela defesa e quase na linha do gol o artilheiro Landerson teve o trabalho apenas de rolar pro fundo do gol, Ferrocarril 2 x 1.

O Trianon ainda teve uma grande oportunidade de empatar a partida, aos 34 minutos arrancada de Bruninho que passou para Lukinha livre, o atacante cobriu o goleiro Wander e a bola caprichosamente bateu em cima do travessão e foi embora pela linha de fundo.

Até o apito final do árbitro João Mariano de Andrade Bozó, que acresceu 4 minutos ao final da partida, o Ferrocarril administrou bem a vitória e a conquista do bicampeonato do Amador Júnior.

Final, Ferrocarril 2 x 1 Trianon

FERROCARRIL: Wander, Eduardo (Breno), Washington, Dumbão e Euler – Dárley (Geleia), Thiago, Talisson e Rodriguinho (Lucas) – Igor (Guilherme Vagalume) e Landerson (Cazé), treinador Evaldo.

TRIANON: Guilherme Prosolino, Micharia, João Victor, Francescoli e Vitor Alencar (Dedé) – Paulo Victor, Bruninho (Vitinho), Pedro Leite e Periquito (Maikon Douglas) – Dezinho (Luiz Fernando) e Lukinha, treinador Leandro Rosa.

ÁRBITRO: João Mariano de Andrade Bozó

ÁRBITROS ASSISTENTES: Paulo César Souza e Vicente dos Reis

MESÁRIO: Anderson

Campeão Amador Júnior 2017, Ferrocarril

Vice-campeão Amador Júnior 2017, Trianon

Artilheiro, Landerson Ferrocarril 5 gols

Goleiro menos vazado, Wander Ferrocarril